A diferença de idade: a estocada final

A diferença de idade entre um casal provoca situações hilárias. Nos textos A diferença de idade e A diferença de idade 2 foram exploradas aquelas tradicionais confusões que as pessoas fazem ao acreditar que um é o pai ou avô, filho ou neto. Baseado numa experiência própria imagino a quantidade de diálogos entre os mesmos casais nas situações mais íntimas vividas no conforto do lar. Os ditos e, principalmente, os não ditos…

A diferença entre minha esposa e eu não é tanta assim, pelo menos para mim parece pouco. Por ela não posso responder, mas posso exemplificar. Certa noite desfrutávamos aquele clima de romance perfeito. Estávamos sozinhos em casa, uma boa janta seguida de um bom filme acompanhado de um copo de vinho. A harmonia e a sintonia entre nós era sentida em sua plenitude. Conversávamos um pouco. Olho no olho, olhar apaixonado, um sorriso, um beijo, um gole de vinho, uma cena comovente do filme. Tudo perfeito. Veio o segundo filme. Enquanto eu retirava um DVD e colocava o outro senti que a minha esposa me olhava. Era exatamente aquele olhar que somente uma mulher pode nos dar, que nos derrete, nos amolece e nos deixa sem chão. Parei o que estava fazendo e a olhei nos olhos. Vi que eles estavam marejados, ela parecia completamente emocionada, tocada com o nosso nível de cumplicidade e prazer na presença um do outro. Por fim, ela suspirou e disse, Ah, Moacir, eu não sei como vou viver sem você!

Precisa explicar mais? E a vida segue a sua ordem natural…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *