O papagaio…

Havia um homem que viajava o mundo regularmente. De quase cada cidade visitada ele comprava algo e enviava para a sua mãe. Numa determinada cidade ele encontrou um papagaio que falava mais de trinta línguas. Imediatamente ele o comprou enviando-o para a sua mãe. Alguns dias depois o homem ligou para saber se ela havia gostado do presente. Perguntou:
– E então, mãe, gostou do papagaio?
Ela respondeu:
– Sim, sim. Ele estava delicioso!
– O que? Delicioso? Você comeu o papagaio? Ele não era para comer. O papagaio falava mais de trinta línguas…
A mãe ficou em silêncio por alguns instantes e disse:
– Mas por que ele não disse nada?

Muitas vezes, ninguém vai adivinhar as suas habilidades e competências se você não falar e demonstrar o que sabe. Para isso, transforme o seu potencial em talento deixando-o trabalhar para você e para a comunidade onde você está inserido. Assim, além de saber fazer é necessário fazer saber.



Anedota extraída:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *