Amor e perdão

“Quando o amor se expande, o perdão torna-se um fenômeno natural, porquanto ao espraiar-se, a afetividade supera qualquer limite imposto pelas convenções para se tornar um oceano de generosidade”.

Divaldo Franco

perdao_amor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *