Pessoas e estatísticas?

Usar informações estatísticas sobre pessoas para então classificá-las e criar uma taxonomia pode ser um desserviço para aquilo que se entende como Gestão com Pessoas.

Entendo que todos nós, indivíduos, somos plurais, únicos e singulares. 

Não há como fazer uma classificação estatística.

Não há como ser igual sendo diferente.

Fonte: Rastro Selvagem

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *