Você está correndo atrás?.

“Correr atrás…” é uma expressão popular que pode identificar um aspecto peculiar enraizado em nossa cultura. Quase sempre estamos “correndo atrás do prejuízo”. Nada contra
correr atrás para perseguir um objetivo, assim como o leão corre atrás de sua presa para garantir o almoço. Mas essa corrida faz parte do planejado. O ruim é que nós, quase sempre, estamos correndo atrás de algo por falta de planejamento, por “levarmos a vida na flauta”. Adotamos comportamentos parecidos com os da cigarra na fábula com a formiga. A primeira canta no verão enquanto a segunda trabalha para ter recursos no inverno. A formiga planeja e executa com antecedência. A cigarra faz festa e deixa tudo para a última hora. Assim somos muitos de nós. Quase sempre acreditamos que podemos “dar um jeitinho” e que na hora “h” vai dar tudo certo. Em alguns casos ou por algum tempo pode até ser, mas na grande maioria das vezes o sujeito vai ficar feito a cigarra pedindo arrego para a formiga. Essa postura revela um país de bravateiros, que preferem levar a vida na flauta cantando as glórias que não existem ao invés de se dedicar a um esforço real.

Você está correndo atrás? Pois é, lamentavelmente, muitas vezes, eu estou…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *