Quem é você?

No texto Seres humanos, seres estranhos… qual o seu ritmo? a questão abordada é a necessidade que muitas pessoas tem em diminuir o ritmo de vida para justamente poder dela desfrutar. Uma pretensão justa, justíssima. Entretanto, um número de pessoas muito maior do que o imaginado ainda não tem o autoconhecimento necessário para saber quem realmente é. Estranho? Sim, se nós naturalmente somos como é que podemos não saber quem somos? Fácil. Temos lados ocultos que ocultamos de nós mesmos.

Proponho que faça o exercício de autoconhecimento apresentado por Bachrach (2014) e responda a seguinte pergunta: quem você é? Uma pergunta simples que, provavelmente, não tem uma só resposta. Mais uma vez pode parecer estranho, mas muitos não sabem quem e quantos são. Existe o seu trabalho, o lazer e a sociedade. Mas quem realmente você é?
O exercício consiste em que você pegue várias folhas e em cada uma delas escreva Quem sou?” e logo responda, Sou pai”, por exemplo. E assim faça em quantas folhas você entender que sejam os seus papéis, inclusive passatempos, como “Sou jogador de futebol”, sou mau cantor”, entre outros. Depois pegue as folhas com as respostas e escreva o porquê de cada uma delas. O que você gosta em cada uma das respostas? Na primeira folha, abaixo de “Sou pai”, você poderia escrever, “Pus isso porque é a experiência mais profunda pela qual já passei até este momento de minha vida e eu gosto de ser pai porque aprendo sobre mim o tempo todo, cultivo a paciência ao dar e receber carinho de uma pessoa tão especial”.Faça isso com cada uma das respostas e em seguida numere as folhas em ordem de importância para você. Qual dentre todas as identidades por você escritas é a mais importante? Finalmente, encontre denominadores comuns entre todos esses que você é.


Então, ao responder a pergunta “quem você é?” e descobrir quantos você é, você já pode definir por onde vai começar a diminuir o ritmo. Qual VOCÊ” merece mais atenção? Qual VOCÊ” tem tomado muito o seu tempo?


Exercício extraído e adaptado de Bachrach, E. (2014). EnCambio: Aprendé a modificar tu cerebro para cambiar tu vida y sentirte mejor (Spanish Edition). Penguin Random House Grupo Editorial Argentina. (Kindle).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *