Amor e afeto

O amor por si só não basta, porque ele somente tem razão de ser no amor pelos outros. Sem os outros não há justificativa para silenciar, não há pretexto para conversar, não há propósito em escutar, não há intenção de observar, não há razão para respeitar e não há motivos para amar. Para amar é preciso afetar a si e aos outros.

Moacir Rauberamor-e-afeto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *