Por que as pessoas ainda não são a preocupação principal das organizações?

As pessoas “ainda” não são a preocupação principal de muitas organizações, mas serão!

O foco nas pessoas na gestão de qualquer organização está caminhando para o centro do processo. Pode parecer uma visão otimista, mas basta pensar que “não existe nada fora da natureza que não seja feito pelas pessoas e para as pessoas” . Pergunte-se: existem empresas sem pessoas? Você conhece uma família sem pessoas? Como  seria a sociedade sem pessoas? Para que criar produtos sem as pessoas? Nada tem sentido sem as pessoas!

Desse modo, sempre me pergunto: por que, afinal, a preocupação com as pessoas ainda não está no centro decisório de cada organização? Alterar o foco para as pessoas na gestão das organizações é o desafio de cada Ser Humano que tenha consciência de que a sua individualidade pode inspirar a coletividade.

ESARH 2018:

Inspirar pessoas para potencializar o coletivo!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *